Um mês depois, João Pereira regressa à competição
Publicidade

Os triatletas portugueses João Pereira, Miguel Arraiolos e Melanie Santos disputam este sábado de manhã, cerca da meia noite em Portugal, a segunda etapa da Taça do Mundo WTS, a Gold Coast australiana, prova de qualificação para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

João Pereira regressa assim à competição, depois do terceiro lugar alcançado na prova da Taça do Mundo de Mooloolaba, também na Austrália, no início de março. Já este mês, o atleta, apurado para os Jogos, preferiu não competir em New Plymouth, na Nova Zelândia, para outra etapa de Taça do Mundo, ao contrário de Melanie Santos e Miguel Arraiolos, que ainda lutam pela qualificação. João Silva, o outro português qualificado, segue uma estratégia semelhante, só voltando a competir na etapa WTS da África do Sul, na cidade do Cabo, a 23 de abril.

Há cerca de um mês que Miguel Arraiolos e Melanie Santos estão a treinar e competir na Oceania, onde disputaram, no início de março, a Taça do Mundo de Mooloolaba, e, mais recentemente, a de New Plymouth, na qual foram 40º e 17º classificados, respetivamente. Os dois procuram um feito inédito para o triatlo nacional, dado que o país nunca teve quatro atletas nos Jogos Olímpicos.

Os portugueses vão ter uma tarefa complicada face às start lists das provas de elite masculina e feminina. Nos homens, sobressai o regresso dos irmãos Jonathan e Alistair Brownlee, dois dos melhores triatletas do mundo e que se estreiam competitivamente na prova australiana. os dois ingleses já conquistaram o Mundial e, no caso de Alistair, o ouro olímpico. O espanhol Mário Mola e o sul-africano Richard Murray são outros dois nomes de peso e têm dominado este início de temporada internacional.

Na prova feminina, Melanie Santos vai ter a concorrência, entre outras, da norte-americana Gwen Jorgensen, que vem de uma vitória em New Plymouth, da australiana Ashleigh Gentle ou das inglesas Jodie Stimpson e Helen Jenkins.