Fotografia: Site FPF

O português Ricardinho foi eleito o melhor jogador de futsal de 2015, segundo informação divulgada esta sexta-feira pelo site ‘Futsalplanet’.

 

O internacional luso levou a melhor sobre o espanhol Miguelin e o brasileiro Gadeia, alcançando a distinção individual pela terceira vez na carreira, depois de ganhar em 2010 e 2014.

“É maravilhoso poder olhar ao espelho e poder dizer: sou o melhor do mundo e sou português”, confessou Ricardinho em declarações à Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

O jogador agradeceu aos colegas de equipa e de seleção, mas também ao seu clube e à FPF, e lembrou o início da carreira no futsal, após abandonar o grande sonho, o futebol.

“Sempre disse que queria ser diferente, para que não fosse simplesmente mais um jogador de futsal. Que um dia, quando terminasse, quando as pessoas se lembrassem de futsal, se lembrassem do Ricardinho e quanto eu trabalhei para ajudar esta modalidade a chegar ao mais alto patamar”, realçou.

Na votação, que reflete as escolhas de mais de 200 especialistas na modalidade entre treinadores, ex-atletas, dirigentes ou jornalistas, a benfiquista Ana Catarina Pereira ficou em segundo lugar na categoria de melhor guarda-redes feminina do mundo, perdendo apenas para a espanhola Belén Marzo.

O Benfica, nomeado para o prémio de melhor clube, aparece na quinta posição, atrás dos espanhóis do Inter Movistar – onde joga Ricardinho -, dos cazaques do Kairat Almaty, dos brasileiros do Carlos Barbosa e dos russos do Ugra Yugorsk.

O treinador encarnado, Joel Rocha, ficou em sexto lugar na categoria dos responsáveis técnicos, liderada por Jesús Tejada, treinador do Inter Movistar.

COMPARTILHAR