Mais de 30 localidades de norte a sul do país e dos arquipélagos vão receber dezenas de sessões de cinema n’O Dia mais Curto, a grande festa da curta-metragem que se realiza a 21 dezembro.

Lisboa, Porto, Coimbra, Braga, Ponte Delgada e Ponta do Sol são algumas das 34 cidades e vilas onde vão ser exibidos filmes portugueses e estrangeiros, para adultos e crianças, nos mais variados locais de projeção.

Para além das salas de cinema, algumas sessões vão decorrer em espaços inesperados como a piscina do Santana Hotel & SPA, em Vila do Conde – onde vai ser possível assistir à sessão dentro de água -, as carruagens e estações do Metro do Porto ou as lojas Fnac.

Os vários programadores associaram-se a esta iniciativa através de sessões próprias ou dos quatro programas propostos pela Agência da Curta-Metragem, que organiza o evento.

A sessão “Europa em Curtas”, elaborada em colaboração com a rede europeia Short Circuit, vai apresentar um conjunto de filmes europeus recentes que se destacaram nos principais festivais internacionais de cinema. Ao todo são sete curtas-metragens que abordam temas tão diversos como a poesia, a dependência ou o conceito de fronteira.

Programas para famílias

Já o programa “Panorama Nacional” promete revelar o melhor da produção portuguesa através das obras de jovens autores como Gabriel Abrantes, Simão Cayatte, Eduardo Brito e Ana Maria Gomes e das histórias que têm para contar.

A pensar nas famílias, o “Curtinhas em Dezembro” é uma proposta da Casa da Animação e inclui um conjunto de “pequenas histórias repletas de aventura, peripécias e personagens únicas, mas também de reflexões sobre a solidão e o caminho certo a seguir”, revela a Curtas Metragens – Cooperativa de Produção Cultural, C.R.L.

Para os mais novos há “Papel de Natal e Outras Histórias”, que celebra o espírito natalício através de pequenos contos que não esquece a vertente pedagógica.

A Cinemateca Portuguesa e o Cineclube do Porto vão receber sessões especiais do evento, no dia 21 e 22 de dezembro respetivamente, apresentando programas que destacam a produção nacional.

O Dia mais Curto chega à Internet

Este ano, “O Dia Mais Curto” acontece também na Internet. Entre os dias 14 e 21 de dezembro, a Agência da Curta Metragem disponibiliza cinco filmes portugueses, galardoados internacionalmente, para visualização gratuita online: “Abraço do Vento” de José Miguel Ribeiro, “Rapace” de João Nicolau, “Amélia & Duarte” de Alice Guimarães e Mónica Santos e “Vicky & Sam” de Nuno Rocha. Na televisão, o Cinemax RTP e o Curtas Às Quartas dos Canais TVCine & Séries vão dedicar programas especiais ao evento.

A festa da curta-metragem vai ser assinalada também nas escolas, por alunos de diferentes graus de ensino, e em instituições de solidariedade social como as Aldeias de Crianças SOS e a Santa Casa da Misericórdia.

Inspirado no Solstício de Inverno, “O Dia mais Curto” nasceu em França e rapidamente alcançou uma dimensão internacional, sendo, atualmente, celebrada em simultâneo em dezenas de países. Em Portugal o evento vai realizar-se pelo quarto ano consecutivo.