Fotografia: Tiago Canoso
Publicidade

A cidade de Viseu recebe entre hoje e domingo mais uma edição do festival Tons de Primavera, que inclui um Festival de Street Art (arte de rua), concertos ao ar livre, diversos espectáculos, mercado de vinhos e street food (comida de rua).

O primeiro evento enoturístico do ano em Viseu vai decorrer principalmente no Mercado 2 de Maio, onde hoje foi apresentado pelo presidente da Câmara, Almeida Henriques, que espera “um grande momento para os viseenses e para todos os que visitam a cidade”.

Um dos pontos altos do Tons de Primavera é o Festival de Street Art, que vai criar dez novas “paisagens artísticas” e pela primeira vez aposta na arte pública em espaço rural, em cinco quintas vinhateiras do concelho.

“É um evento para nossa fruição mas também para promoção da região como um todo”, sublinhou Almeida Henriques, lembrando que após o festival a cidade vai ter 27 pinturas murais.

Na música destaca-se o regresso de Rodrigo Leão e Scott Mattew, que em Janeiro deste ano foram recebidos em apoteose na Sé de Viseu, bem como as actuações de Fingertips, Rita Redshoes e Moullinex, entre outros nomes.

Fotografia: Lino Ramos

Esta quinta-feira, às 21:30, os Fingertips vão actuar nas Fonte das 3 Bicas, no primeiro concerto do Tons de Primavera. O dia 19 abre com o Atelier Amor Luso, às 17:00 horas, seguindo-se às 18:00 o Viseu Taste – Showcooking e harmonização de vinhos.

Para as 19:00 está marcado o espectáculo dos ADFECTUS, antes de, às 21:00, Pedro Duvalle subir ao palco. A noite termina na Fonte das 3 Bicas com o concerto de Rita Redshoes às 22:00 e o Insert Coin Dj Set às 23:30.

No sábado, dia 20, vai realizar-se o Velvet Happy Moment, às 15:00 horas, e o Passeio Street Art, às 16:00. Segue-se, às 17:00, a apresentação do Projecto BIKE – Velocafé e Piranha Tattoo Studios e às 18:00 mais um Viseu Taste – Showcooking e harmonização de vinhos.

Um dos pontos altos deste dia é conversa com artistas dos Tons de Primavera partindo da questão “Pode o Street Art ser redentor da paisagem urbana? E da rural?”, que vai decorrer a partir das 20:00 horas.

A programação no Mercado 2 de Maio termina com a actuação de BRYZ, pelas 21:00, mas o Tons de Primavera continua no adro da Sé com o concerto de Rodrigo Leão e Scott Mattew, às 22:00, e na Fonte das 3 Bicas com Moullinex, às 23:30.

O último dia de festival tem o Atelier Cem Reis às 15:00 horas e a Hora do Conto às 15:30. Às 16:00 começa um novo Passeio Street Art e a partir das 17:00 o palco é de Francisco Cappelle.