O turismo pode ser para todos

O turismo acessível é uma grande oportunidade de negócio se pensarmos que há 140 milhões de pessoas na Europa com necessidades especiais quando viajam e as previsões apontam para que em 2020 haja, só neste continente, cerca de 862 milhões de viagens anuais na área de turismo acessível.

Publicidade

Os agentes turísticos começam a compreender o potencial deste segmento e adaptam-se cada vez mais às necessidades dos clientes. Um pouco por todo o lado surgem restaurantes com menus em braille ou hotéis com quartos adaptados a pessoas de mobilidade reduzida, só para referir alguns exemplos. Os empreendimentos turísticos Selão da Eira, Refúgio do Monte e Villa Batalha são três dos casos que se destacam nesta área e que apresentamos nesta edição.

A acessibilidade é, de resto, um dos eixos prioritários da estratégia de turismo para os próximos dez anos em Portugal, como nos conta o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo. Entre o trabalho que está a ser feito ou em preparação realçamos o TUR4all, uma plataforma onde os turistas com necessidades especiais vão poder consultar informação sobre condições de acessibilidade em hotéis, monumentos e museus ou a existência de transportes adaptados, e o projecto Brendait, que procura fazer da região Oeste de Portugal um destino turístico acessível a todos.

No entanto, há alguns problemas que urge resolver. A começar pelo decreto-lei nº 163/2006, que estabeleceu um prazo de dez anos para que os edifícios públicos e privados, turísticos e comerciais se adaptassem e que ainda não está devidamente cumprido. A mentalidade e a formação são outras questões que precisam de ser trabalhadas para que os turistas com necessidades especiais sejam tratados da melhor forma e sem qualquer tipo de discriminação.

...by Descla

Chocolate

O cacau, planta da qual se faz o chocolate, foi desde muito cedo comtemplado pelo Homem. Os povos Toltecas e Maias acreditavam que dava energia e tinha propriedades afrodisíacas.

Cidades e Vilas, que futuro?

Como será o futuro das nossas cidades e vilas? Num mundo cada vez mais citadino, tecnológico e com um ritmo de vida cada vez mais acelerado, há tempo para pensar em questões como a eficiência energética, a sustentabilidade ambiental ou a qualidade de vida das pessoas?

De Belém para o mundo

O Mosteiro dos Jerónimos e a Torre de Belém são dois símbolos da grandiosidade que Portugal teve na época dos Descobrimentos

Literatura em Nós

A literatura é um mundo infinito. O que lemos inquieta-nos, acalma-nos, inspira-nos, faz-nos rir, sonhar e chorar. Há livros que ficam na memória.

Laurissilva, a floresta do Atlântico

O arquipélago da Madeira guarda a mais extensa e bem conservada Laurissilva do mundo. Qualquer época é boa para visitar esta floresta com milhões de anos, pois está sempre verde