Fotografia: Montanhas Mágicas
Publicidade

Cerca de 300 representantes de áreas protegidas e classificadas, oriundos de 36 países da Europa e do Brasil, vão estar no território “Montanhas Mágicas” entre os dias 6 e 10 de Setembro para a Conferência Anual da Federação EUROPARC, um evento internacional que reúne especialistas nas temáticas do turismo sustentável, da gestão territorial e da conservação do ambiente.

Entre as personalidades que já confirmaram a presença destaca-se Marina Silva, ex-Ministra do Ambiente dos governos brasileiros de Lula da Silva entre 2003 e 2008, cujo percurso na defesa da floresta da Amazónia lhe valeu a distinção de Embaixadora da Terra por parte da ONU.

A edição deste ano tem como tema “New voices, new visions, new values – for people and nature in Europe” (Novas vozes, novas visões, novos valores – para as pessoas e a natureza na Europa”).

“O tema deste ano procura dar continuidade à dimensão humana da conferência de 2016, «We are Parks» (Nós somos Parques), realizada na Suíça, tentando ir mais longe na definição das futuras áreas de trabalho dos Parques na Europa”, revela a Câmara Municipal de Arouca, um dos municípios que integram a marca “Montanhas Mágicas”.

Além da conferência, um dos momentos altos do evento é a Praça da Animação, que vai funcionar na vila de Arouca no final do dia 7, a partir das 18:30. Por ali vão passar expressões culturais dos sete municípios das Montanhas Mágicas e de Parques e Áreas Protegidas do Norte e Centro de Portugal, estando igualmente confirmadas as presenças das Entidades Regionais de Turismo do Porto e Norte e do Centro.

O evento tem como mote o Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento e é uma iniciativa da Federação de Parques Naturais e Nacionais da Europa (EUROPARC), com sede em Regensburg (Alemanha).

As “Montanhas Mágicas” são uma marca que abrange os territórios de intervenção da ADRIMAG – Associação de Desenvolvimento Rural Integrado das serras de Montemuro, Arada e Gralheira. Além de Arouca, a rede é composta pelos municípios de Castelo de Paiva, Castro Daire, Cinfães, São Pedro do Sul, Sever do Vouga e Vale de Cambra.

A marca é ainda constituída por quatro Sítios de Importância Comunitária da Rede Natura 2000 (serras de Montemuro, Freita e Arada e os rios Paiva e Vouga) e um Geopark Global da Unesco (Arouca Geopark).