Ivo Oliveira
Publicidade

Ivo Oliveira foi hoje quarto classificado na corrida por pontos da Taça do Mundo de Pista, em Pruszków, na Polónia, conseguindo o melhor resultado de sempre de um corredor português em provas pontuáveis para a Taça do Mundo.

Depois de se apurar para a final, de manhã, o ciclista luso entrou confiante na prova decisiva e esteve sempre entre os melhores, pontuando em seis dos doze sprints pontuáveis.

Contudo, no sprint final não conseguiu ficar entre os quatro primeiros, o que lhe valeu a descida à quarta posição da geral.

A corrida foi ganha pelo cazaquistanês Nikita Panassenko, o único que conquistou uma volta sobre o pelotão, terminando a prova com 42 pontos.

O segundo classificado, com 27 pontos, foi o grego Christos Volikakis, e o terceiro, com 21, foi o italiano Liam Bertazzo. O português somou 19 pontos.

Ivo Oliveira alcançou o melhor resultado nacional de sempre em provas da Taça do Mundo, superando o seu anterior registo, o sexto lugar na disciplina de omnium conquistado em Apeldoorn, na Holanda, em 2016.

“O Ivo teve um excelente desempenho, que mostra que a evolução na pista tem sido uma constante. Ficou muito perto do pódio”, destacou o seleccionador nacional, Gabriel Mendes.

Ainda na prova de hoje, Rui Oliveira apurou-se para a final de scratch, marcada para cerca das 20:30 deste sábado.

Ivo Oliveira vai regressar ao velódromo polaco na tarde de domingo para disputar a disciplina olímpica de omnium, composta por quatro provas: scratch, tempo race, eliminação e corrida por pontos. O concurso de omnium começa às 13:00 horas e termina perto das 20:00.