Reguengos de Monsaraz
Publicidade

O concerto do espanhol Danny Del Toro é a grande atracção desta sexta-feira em Reguengos de Monsaraz, nas comemorações do Dia Europeu do Enoturismo.

O programa começa às 21:30, no Auditório Municipal, com o concerto de São Martinho, seguindo-de a actuação de um dos melhores interpretes de harmónica de Blues da Europa, acompanhado da sua banda, a Del Touro Blues Band.

No sábado, às 8:30, vai realizar-se a Caminhada de São Martinho, com um trajecto de 13 quilómetros de dificuldade média com partida e chegada na Casa do Cante, no Telheiro, e passagem pela vila medieval de Monsaraz, pela praia fluvial de Monsaraz, mas também por monumentos como o Cromeleque do Xerez, a ponte romana pedonal, o Convento da Orada, entre outros.

No final da caminhada vai decorrer um almoço, animado pelo Grupo Coral da Freguesia de Monsaraz e pelo Grupo Coral do Centro de Convívio da Barrada.

Ainda de manhã, a partir das 9:00 horas, os motores vão soar com o Passeio TT Rota dos Vinhos para viaturas todo-o-terreno, motos, quads e buggy’s. Cinco euros do valor de cada inscrição revertem para os Bombeiros Voluntários de Reguengos de Monsaraz. A fechar o dia, às 18:30, a Casa do Benfica em Reguengos de Monsaraz acolhe uma prova de vinhos novos.

Para domingo, Dia Europeu do Enoturismo, estão agendadas provas de vinhos durante o dia em dois produtores de vinho do concelho, o Monte dos Perdigões e a Adega José de Sousa.

Monsaraz

Em Coruche, os turistas são convidados a descobrir a vila e os seus vinhos e restaurantes no peddy paper deste sábado. No domingo de manhã vão realizar-se os passeios pedestre e de BTT. As celebrações começaram esta sexta-feira com visitas guiadas à Corticeira Amorim e à Quinta de Santo André, na actividade “O Universo do Vinho e da Rolha”.

A castanha, a sardinha e o vinho novo são os protagonistas da iniciativa “Magustar no Moinho”, em Setúbal. No dia 11, das 15:00 às 16:00 horas, há um workshop de culinária dinamizado pela chef Cristina Sá, com um menu com sardinhas de São Martinho e castanhas caramelizadas para harmonizar com o vinho novo da Adega Camolas.

No dia seguinte vai realizar-se o peddy paper “À Descoberta do Sado”, no qual os participantes vão poder conhecer a fauna e flora da Reserva Natural do Estuário do Sado, através de um percurso por trilhos da Herdade da Mourisca.

Além destas actividades, todos os visitantes do Moinho de Maré de Mourisca vão receber, nos dois dias, das 13:00 às 17:00 horas, castanhas e vinho novo da Adega Camolas.

Em Palmela, as comemorações do Dia Europeu do Enoturismo incluem visitas guiadas, provas de vinho com produtos regionais, concertos “Sons do Vinho” e diversas promoções. Na aldeia de Fernando Pó, continuam as visitas “Rotas das Vinhas do Pó”, com ligação ferroviária a partir de Lisboa – um dia com visitas, passeios, provas de vinhos e outras delícias da região, para conhecer de perto uma aldeia vinhateira no coração da Península de Setúbal e apreciar os “jardins de vinhas”.

Em paralelo, nos dias 10, 11, 12, 17, 18 e 19 decorre mais uma edição dos Fins-de-Semana Gastronómicos do Moscatel de Setúbal, que encerram o programa “Palmela, Experiências com Sabor!” 2017 com propostas tentadoras nos restaurantes do concelho.

Em Nelas, domingo é dia de visitar e degustar os queijos da Quinta da Lagoa, provar os vinhos (Quinta da Fata) e assistir à peça de teatro “Contos de Baco”, antes do Jantar Vínico “Sabores do Dão”.

O Dia Europeu do Enoturismo é uma iniciativa da RECEVIN – Rede Europeia das Cidades do Vinho e tem como objectivo divulgar o património, a cultura e as tradições dos territórios que constituem a rede, bem como as suas empresas produtoras de vinho e propostas enoturísticas, contribuindo para reforçar o turismo na Europa em torno do vinho.

A rede inclui cerca de 700 cidades europeias e este ano as comemorações assumem uma dimensão mundial, através da rede de promoção da Aenotur – Associação Internacional de Enoturismo.