Publicidade

O Festival Sete Sóis Sete Luas acontece na Fábrica da Pólvora de Barcarena, realizando-se entre 29 de junho e 17 de agosto.

 

Arranca, no dia 29 de junho, uma experiência de sabores de Cabo Verde e de Marrocos, que representam um importante papel no momento de cooperação entre as cidades participantes no festival que conta com a participação de cozinheiros representativos da diversidade cultural do Mediterrâneo.

No mesmo dia (29), tem lugar o Atelier de Pintura: ABDELKRIM ELAZHAR (Marrocos), para o qual foi convidado um dos mais consagrados pintores marroquinos, Abdelkrim Elazhar e que vai consistir num laboratório de pintura para crianças dedicado ao tema do retrato.

No dia 30 de junho, a partir das 22:00 horas, há Nuite de Lumiére, teatro de rua com efeitos pirotécnicos, um espetáculo fascinante sobre a incrível história de iluminadores, domadores de fogo inigualáveis.

Os espetáculos musicais quevão decorrer às sextas-feiras, às 22:00 horas, abrem, no dia 6 de julho, com a violonista italiana Lavinia Mancusi, que traz à fábrica da Pólvora “música nómada”.

Seguem-se a partir do dia 13 de julho, Cunfrontos 7sóis (Brasil, Cabo Verde, Espanha, França, Portugal), a 20 do mesmo mês, Lúcia de Carvalho (Angola) e no dia 27, Estrelas 7sóis (Brasil, Grécia e Portugal). Em agosto, sobem ao palco Tammorra (Sícilia), dia 3, Roman Vicenti (Andaluzia) que se destina ao flamenco e Mimmo Epifani & the Barbers (Salento), a 17 de agosto.