Publicidade

No dia 15 de junho, pelas 21H00, o Revelim de Santo António acolhe a apresentação de “Os Dias do Sal”.

A identidade de Castro Marim, profundamente ligada à exploração do sal, é o âmago deste documentário. Vai muito além da actividade salineira e procura descortinar o sal que há nas vidas de quem entrega a vida ao mesmo.

“A Sabedoria na Ponta dos Dedos- O Mito do Acordeão Algarvio” é o primeiro registo imaterial de valorização na cultura algarvia.O documentário será apresentado no sábado, pelas 21H00, no Revelim de Santo António.

“São trabalhos riquíssimos do ponto de vista da conservação e divulgação do património local imaterial, resultado de dois anos. As apresentações decorrem neste espaço privilegiado que é o Revelim de Santo António. De contacto com a natureza e com o património, ar livre e em ecrã gigante”, realçou a vice-presidente e vereadora da cultura da autarquia, Filomena Sintra.

Os dois documentários são uma organização da Câmara Municipal de Castro Marim, com a chancela da Direcção Regional de Cultura. Contando o “Dias do Sal” com a colaboração do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, da Cooperativa Terras de Sal, da empresa municipal Novbaesuris e com o cofinanciamento do Programa Operacional MAR 2020.