Publicidade

Mais um verão, mais uma Volta a Portugal. A prova de ciclismo mais conhecida dos portugueses faz-se à estrada de 1 a 12 de Agosto na sua 80ª edição. Em 2018 são muitas as novidades, nomeadamente com Setúbal a ser o ponto de partida pela primeira vez, pelo que o Prólogo coincide com os festejos da Feira de Santiago. Outra novidade é o regresso da Volta, após uma década de ausência, a terras algarvias. Também o Alentejo, a Covilhã e a Serra da Estrela fazem parte do mapa.

A Volta a Portugal Santander vai ser disputada por 150 homens num total de 21 equipas participantes. Este ano, a prova recebe cinco equipas internacionais do escalão Continental Profissional, o segundo mais importante na hierarquia da União Ciclista Internacional. E, com os novos regulamentos da Federação Portuguesa de Ciclismo, foi aberta a inclusão de novas formações portuguesas.

Etapas: de Setúbal até ao Interior destruído pelos Incêndios

A 80ª Volta a Portugal Santander arranca a 1 de Agosto com o Prólogo em Setúbal, que perfaz 1.8 km. Segue-se a 1ª etapa, de Alcácer do Sal a Albufeira. A 2ª etapa, a 3 de Agosto, é a mais longa da Volta, num total de 203 km de Beja a Portalegre.

Destaque para a 3ª etapa, intitulada Etapa Vida por passar nos concelhos afectados pelos incêndios de 2017. Esta etapa passa de Sertã a Oliveira do Hospital e nela vai marcar presença o Presidente da República. A 4ª vai da Guarda até à Covilhã. A 6 de Agosto a 5ª etapa inicia-se no Sabugal e acaba em Viseu.

A 6ª etapa vai de Sernancelhe a Boticas no dia 8 de Agosto. Com 147.6 km, a 8ª etapa, de Barcelos a Braga, é a etapa mais curta. A penúltima etapa arranca em Felgueiras e segue até Mondim de Basto. Por fim, a 10ª etapa disputa-se em Fafe a 12 de Agosto, com um contrarrelógio de 17.3 km.

Ao todo, a 80ª Volta a Portugal Santander perfaz cerca de 1600 quilómetros de competição. Todos os detalhes podem ser consultados no website oficial.