Publicidade

Arouca está mais folclórica do que nunca: de 14 a 18 de Agosto, o concelho acolhe o XXXVI Festival Internacional de Folclore. É um festival que celebra o melhor da cultura popular, com um programa diversificado, sendo que uma das novidades da edição deste ano é a presença do grupo Branko Markovic, oriundo da Sérvia.

O festival arranca na noite de 14 de Agosto com o Baile do Grupo de Concertinas do Museu Regional de Cucujães. No dia seguinte, pode assistir-se à Arruada pelo Grupo de Bombos de Provesende (de Arouca). Pelas 22 horas, actua o Grupo de Cavaquinhos da União Popular da Rebordosa (de Lorvão).

No dia 16 de Agosto, o teatro é rei: os mais pequenos podem participar na oficina de construção e manipulação de bonecos de luva. Nessa noite, sobem ao palco as peças  “Barbeiro” e “Tourada Portuguesa”, pela Companhia Red Cloud Teatro de Marionetas.

Já a 17 de Agosto, Arouca recebe a Regueifa Galega (cantar ao desafio da Galiza) com Bieito Lobariñas e Josiño da Teixeira, assim como o espectáculo e workshop de dança do grupo “FOICE”.

O momento alto do XXXVI Festival Internacional de Folclore decorre no sábado dia 18 de Agosto, com o Desfile Etnográfico. Este desfile começa às 18.30 horas e percorre a Avenida 25 de Abril, a Alameda D. Domingos de Pinho Brandão, até chegar à Praça Brandão de Vasconcelos.

Ainda no dia 18, o festival encerra com um espectáculo de folclore às 22 horas no Terreiro de Santa Mafalda, no qual participam o Rancho dos Sargaceiras e Marítimos de Angeiras de Matosinhos, o Rancho Folclórico de Canelas de Vila Nova de Gaia, o Grupo Folclórico Cancioneiro de Cantanhede, o Grupo de Pauliteiros de Miranda do Douro, o Conjunto Etnográfico de Moldes de Arouca e o grupo Branko Markovic.

O XXXVI Festival Internacional de Folclore de Arouca é organizado pelo Conjunto Etnográfico de Moldes de Danças e Corais Arouquenses, em parceria com o Município de Arouca. Todos os detalhes no Facebook oficial do evento.