Cuca Roseta
Publicidade

Cuca Roseta vai lançar em Novembro um novo disco, Luz de Natal, totalmente composto por músicas natalícias ou de inspiração mariana, na sua maioria cantadas em português.

Hark the Harold, traduzido para Estamos Quase no Natal, Jingle Bell Rocks (Sai Lá Fora), Winter Wonderland (Toca o Sino), ou The First Noel (Nasceu o Amor) são algumas das canções que integram o álbum, agora interpretadas na língua de Camões.

“Pensei: Porque não ouvir estas canções, como algo que seja nosso? Toda a gente as conhece. Mas trazê-las para mais perto de nós, com as nossas histórias, e as nossas tradições…”, explicou a cantora à Agência Lusa.

O disco inclui ainda um inédito, Vou Tentar, escrito pela própria fadista. “Vou tentar animar o pensamento”, revelou, acrescentando que este disco “é para todos”. “Quero trazer esta alegria e nostalgia que o Natal tem a todas as pessoas, mesmo aquelas que podem estar tristes”.

Em português Cuca Roseta canta ainda Oh Holy Night (Oh Noite Santa), Jingle Bell (É Natal), Deck the Hall (Vai Chegar o Grande Dia), Silent Night (Noite Sagrada), Oh Christmas Tree (Pinheiro Verde de Natal) e The Little Town (Pinheiro da Vida).

Algumas músicas são, no entanto, interpretadas em inglês, nomeadamente I’ll Be Home for Christmas, Silver Bells, The Christmas SongWhite Christmas e Have Yourself a Merry Little Christmas, esta última interpretada por nomes tão distintos como Frank Sinatra, Tori Amos, Doris Day, Sam Smith, James Taylor ou Bob Dylan.

A cantora incluiu ainda no alinhamento a Ave Maria de Franz Schubert (1797-1828) e a de Charles Gounot (1818-1893), bem como o Adeste Fideles, hino atribuído ao rei D. João IV, e o canto litúrgico Gloria in Excelsis.

Luz de Natal foi gravado numa sonoridade jazz, com a qual Cuca Roseta tem algumas afinidades, “até porque as canções escolhidas não se iriam encaixar no fado”, sublinhou.

O novo álbum é uma ideia antiga. Em casa dos pais Cuca Roseta sempre ouviu músicas de Natal de Nat King Cole, Elvis Presley ou Frank Sinatra. “Tentei juntar toda uma vida, e mostrar um outro lado meu, cantar estas canções de Natal em português”, revelou a fadista, que antes de o ser cantou em coros, cujos repertórios incluíam cantos sobre esta temática.

Neste trabalho a cantora tem a colaboração do Coro de Santo Amaro de Oeiras e do Coro Misto da Universidade de Coimbra. Entre os instrumentistas, incluem-se os membros do quarteto de cordas Trindade e ainda com Ruben Alves (piano), Miguel Amado (baixo e contrabaixo) e Carlos Miguel Antunes (bateria e percussão).

A fadista, que começou a gravar o álbum em Maio último, espera que “possa vir a ser uma inspiração para outros artistas” gravarem, no futuro, um CD dedicado ao Natal.