Publicidade

E se um videoclip fosse gravado dentro de uma gruta, mais precisamente na chaminé de um antigo vulcão? Foi o que fez o músico açoriano Flávio Cristóvam, que desceu ao Algar do Carvão, na Ilha Terceira, para uma das suas “fortitude sessions”.

A mais famosa cavidade vulcânica dos Açores tem cerca de 80 metros de profundidade e é conhecida pelas belas e raras estalactites e estalagmites, que atingem um metro de comprimento e 50 cm de diâmetro.

Nada disso atemorizou o músico, natural da ilha, que ao percorrer o túnel que dá acesso ao algar achou que este tinha uma acústica fabulosa. Assim nasceu a ideia de gravar o videoclip, no qual contou com a preciosa colaboração da Associação Os Montanheiros, dedicada aos deportos de montanha, escalada e geocaching.

O vídeo e a música Faith & Wine fazem parte do primeiro álbum de Cristóvam, Hopes & Dreams, lançado em Setembro, cuja tournée iniciou em Portugal, seguindo depois pela Europa.

Um dos temas do disco, marcado por sonoridades reminiscentes de universos indie-folk, venceu um dos prémios do aclamado “International Songwriting Competition”, fazendo do músico açoriano o primeiro português a consegui-lo.

Flávio Cristóvam. Fotografia: Facebook Flávio Cristóvam | Timothy Flores

O álbum foi gravado nos estúdios Namouche, em Lisboa, e contou com a participação de músicos integrantes de projectos como “Orelha Negra”, “Amor Electro”, “Toranja”, “Donna Maria”, entre outros.

Vencedor do concurso AngraRock em 2009, Flávio Cristóvam é um nome sonante da música açoriana, tendo começado a tocar guitarra aos 11 anos. Aos 15 escreveu as primeiras canções e com 18 fez as primeiras maquetes para a rede social MySpace.

A sua música resulta de um grande fascínio pela guitarra e de uma colecção de discos herdada do seu avô, que foi um pioneiro da rádio na ilha Terceira. Bob Dylan, Ryan Adams, Gregory Alan Isakov ou Josh Rouse são algumas das suas influências.