Publicidade

Logo que Outubro venha, procura a lenha...e a castanha. O melhor destino, pelo menos para quem gosta da qualidade martainha, é vila de Sernancelhe, no distrito de Viseu, que por estes dias prepara-se para mais uma edição da Feira da Castanha, entre 26 e 28 de Outubro.

O Espo Salão volta a ser uma montra de produtores e empresas onde os visitantes vão poder adquirir e provar castanhas e outros produtos da terra, conhecendo de perto toda a gastronomia local associada a este fruto, bem como o artesanato. A animar o público vão estar os grupos de concertinas e ranchos, crianças e jovens músicos.

A 26ª edição inclui ainda percursos de BTT pelas belas paisagens de soutos e pela Rota da Castanha e do Castanheiro, na qual já estão inscritas mais de mil pessoas, revela o município.

O passeio equestre pela Rota da Castanha vai levar os cavaleiros por uma viagem ao interior dos soutos, ao encontro das centenas de pessoas que apanham castanhas de forma ancestral. Quem preferir os percursos pedestres pela seara vai poder descobrir a maior mancha de castanheiros da variedade martaínha do nosso país, local que surpreende pela dimensão e idade secular das árvores.

A Feira da Castanha vai ainda promover os concursos da melhor castanha da Denominação de Origem Protegida Soutos da Lapa (DOP) e do melhor doce, “iniciativa em crescendo e que demonstra o espaço que a castanha conquistou na doçaria local e regional”.

Durante o evento vai ser lançado o livro Sernancelhe, o castanheiro e a castanha, um projecto do município em colaboração com a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro. A RTP volta a transmitir em directo a feira, no sábado, dia 27, no programa “Somos Portugal”.