Nacional de Bodyboard vai terminar com grande festa em Carcavelos

Além da última etapa, o Boogie Chicks, que se realiza este sábado em Carcavelos, inclui uma tentativa de recorde mundial de bodyboarders femininas na água, baptismos da modalidade e uma acção de limpeza da praia, entre outras iniciativas

Joana Schenker
Publicidade

O campeonato nacional feminino de bodyboard termina no próximo sábado na praia de Carcavelos com o já habitual Boogie Chicks, que além da quinta e última etapa promete diversas surpresas.

Com Joana Schenker já campeã nacional pela quinta vez, três atletas vão lutar pelo segundo lugar, Mariana Rosa, Teresa Padrela e Teresa Almeida.

Para lá da vertente competitiva, o evento inclui uma tentativa de recorde mundial de bodyboarders femininas na água, na qual a organização espera 100 participantes,  baptismos da modalidade, “clinics” de bodyboard ou uma acção de limpeza da praia, entre outras iniciativas.

“Desde 2003 que organizamos o Boogie Chicks e há quatro anos que também temos esta etapa do Nacional. É um trabalho que herda o que foi lançado pela Dora Gomes, uma pioneira do Bodyboard feminino em Portugal e que pretende fomentar a prática do desporto, especificamente nas modalidades de ondas, na vertente feminina”, sublinha Catarina Gomes, uma das mais carismáticas representantes do bodyboard em Portugal.

A sete vezes campeã nacional e quatro vezes campeã europeia começou a praticar a modalidade graças a projectos como este, lembra. “Passou a ser um marco no bodyboard nacional, um momento em que todas nos juntamos, convivemos e aprendemos e divulgamos esta bonita modalidade”, destaca.

“É por isso que além da competição teremos baptismos e aulas para qualquer menina ou senhora que queira experimentar ou aperfeiçoar as suas competências no bodyboard. Queremos que seja, acima de tudo, uma grande festa”, confessa Catarina Gomes, que é uma das madrinhas do Boogie Chicks, a par da tetra-campeã campeã mundial Isabela Sousa, do Brasil, de Joana Schenker ou de Teresa Almeida, campeã mundial ISA.