Publicidade

Originária da Ásia, a lã feltrada tem sido usada por inúmeros povos e culturas na produção de vestuário e calçado, tapetes e até habitações portáteis. No Museu do Oriente, três workshops temáticos – nos dias 26 de Janeiro, 9 de Fevereiro e 2 de Março – ensinam a aplicar esta técnica na criação de objectos decorativos e lúdicos.

Partindo de modelos tradicionais, no dia 26 de Janeiro, os participantes vão aprender a criar simpáticas bonecas Kokeshi e Matrioskas. Segue-se, a 9 de Fevereiro, um workshop dedicado às frutas e legumes de brincar, feitas num material natural, agradável ao tacto e lavável. A 2 de Março, ensinam-se a criar peças únicas de bijuteria têxtil, com formas inspiradas na Natureza para dar as boas-vindas à Primavera.

A feltragem é uma técnica artesanal que utiliza lã pura, água e sabão. O contacto com o sabão e a água fazem com que a lá adquira uma consistência pastosa, facilitando a união das fibras naturais, originando o feltro. Alguns investigadores defendem que este terá sido o primeiro têxtil produzido pela Humanidade, anterior aos teares, com aproximadamente 6.300 anos.

Workshops de Feltro

26 Janeiro | Kokeshis e Matrioskas 9 Fevereiro | Frutas e legumes para brincar2 Março | Bijuteria sem costuras Horário: 14.00-18.00 Preço: 45 €/ sessão (inclui materiais) Participantes: mín. 10, máx. 12 M/16 anos