Exposição retrospectiva de Hélio Cunha celebra 40 anos de pintura

Publicidade

Inaugurou no dia 7 de Março na Galeria Municipal Artur Bual / Casa Aprígio Gomes, às 18h30, a exposição Hélio Cunha – 40 anos de pintura.

Hélio Domingues da Cunha nasceu na Penha de França em Lisboa.
Em 1978 viveu em Inglaterra onde iniciou estudos e experiências no domínio das artes plásticas. No início da década de oitenta frequentou o atelier de Mestre Soares Branco, nos Coruchéus.

Foi associado da Sociedade Nacional de Belas-Artes, do Centro de Actividades Artísticas Árvore no Porto, da Galeria Viragem em Cascais e é ainda associado do Circulo Cultural e Artístico Artur Bual.

Um filme acerca da sua obra, realizado por Álvaro Queirós, figura nos arquivos do ANIM, Cinemateca Portuguesa.

Obteve o 1.º Prémio e uma Menção Honrosa em Pintura nas Comemorações do Centenário das Telecomunicações e, em diferentes ocasiões, um 1.º, um 2.º e um 3.º Prémios de Pintura Portugal Telecom, uma Menção Honrosa no concurso Mergulhe na Expo 98 e o Prémio de Pintura MAC 2015.

Mencionado em diversas publicações de artes plásticas, na Wikipédia e nos seguintes livros: 100 Anos de Pintura e Escultura em Portugal, Universitária Editora. Pintura Contemporânea Portuguesa, edição Chancela Real. 100 Obras da Colecção INDEG/ISCTE, edição INDEG-IUL. Criarte, Universitária Editora. Artes Plásticas em Portugal/O Artista e o seu Mercado, edição Adrian Publishers. Art Book International, Art and Artists, edição Waylight.

Em 2016, a Chiado Editora lançou um livro acerca da sua obra, intitulado Hélio Cunha / Pintura Desenho Palavras, prefaciado por Cruzeiro Seixas.

Exposição Hélio Cunha – 40 anos de pintura
Patente de 7 de Março a 7 de Abril

Galeria Municipal Artur Bual/Casa Aprígio Gomes
R. Luís de Camões, 2 | Venteira | Amadora

Horário:
3.ª feira a sábado, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00 | Domingo, das 14h00 às 18h00