Exposição “(a)mar, enquanto o barro não dorme”

Publicidade

De 15 de Junho a 3 de Agosto, a Galeria Municipal do Montijo recebe o fantástico mundo criado pelo artista António Vasconcelos Lapa, na exposição de cerâmica contemporânea “(a)mar, enquanto o barro não dorme”, concebida especialmente para a Galeria Municipal. A inauguração terá lugar no dia 15 de Junho, às 17h00.

Com as suas mãos, utilizando grés (vidrado) e barro (polido) onde são adicionados outros materiais, António Vasconcelos Lapa materializou a fauna, a flora e até algumas figuras fantásticas que habitam o nosso imaginário quando pensamos no mar.

Na sua fantástica linguagem visual, cheia de cores, esta exposição é uma viagem ao imaginário dos oceanos repletos de peixes, sereias, anémonas, ouriços, cracas e outros seres.

Filho do pintor Manuel Lapa, António Vasconcelos Lapa nasceu em Lisboa, em 1945. Formado em Escultura Decorativa pela Escola António Arroio, possui também o curso de cerâmica do “Instituto Statale d’Arte per la Ceramica”, de Faenza, Itália, como bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian.

A exposição “(a)mar, enquanto o barro não dorme” resulta de uma parceria entre a Galeria Municipal do Montijo e a Galeria Arte Periférica.

A mostra está patente de 2.ª feira a sábado, das 9h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30. A entrada é livre. Venha descobrir o mundo maravilhoso de António Vasconcelos Lapa!