Lisboa nas bancas: feiras e mercados da capital

Fotografia: CML
Publicidade

Bijuteria, livros, alimentos biológicos, bugigangas ou preciosidades. Novos ou usados, para guardar ou oferecer. Há mais de duas dezenas de feiras e mercados que, com diferentes periodicidades, levam para a rua memórias e estórias de Lisboa. Fique a conhecê-las todas as quintas-feiras, na Descla.

“Um pitoresco mercado de sobras e restos, uns aproveitáveis, outros nem tanto, uns novos, outros velhos, mas todos eles constituindo, sem dúvida, um negócio realmente proveitoso para os estranhos vendedores que nestes dias espalham os seus artigos ao longo dos passeios ao ar livre”. Assim descrevia Fernando Pessoa, no seu guia de Lisboa, a Feira da Ladra, uma das mais antigas da capital. Estávamos nos anos 20 e o mítico mercado era um dos mais conhecidos espaços para as compras ao ar livre dos lisboetas.

Passaram nove décadas e hoje são várias as feiras que se multiplicam pela capital, dedicadas à compra e venda de diversos produtos. De espaços destinados ao colecionismo a eventos sobre novas tendências, a oferta é diversificada, contribuindo para fortalecer a atração turística da região de Lisboa e para dinamizar o comércio tradicional e ao ar livre.

Conhecer as feiras de Lisboa é explorar, de uma forma diferente, a cidade, descobrindo os seus bairros e as suas gentes. As diversas culturas que compõem a população lisboeta cruzam-se nestes espaços ao ar livre, que trazem para a rua memórias e inovações.

As motivações dos clientes são as mais variadas: encontrar produtos a um preço mais convidativo; apostar em artigos exclusivos e feitos à medida; comprar produtos vindos diretamente da horta; achar pequenas relíquias ou simplesmente viajar até outros tempos e relembrar objetos da Lisboa do passado.

Os mercados, que já se tornaram um clássico lisboeta, são também um espaço de dinamismo e socialização, embalado pelos pregões dos vendedores e pelo regateio que já faz parte da vibrante atmosfera destes eventos da capital.

Espalhadas pelos mais tradicionais bairros da cidade, muitas das feiras e mercados possuem uma considerável longevidade, fazendo há décadas as delícias dos transeuntes. Vários destes espaços contam com uma localização privilegiada nalgumas das mais tradicionais ruas da capital, dando a conhecer um outro lado das sete colinas de Lisboa.

Na próxima semana… tendo como cenário um dos mais icónicos espaços da capital, decorre semanalmente a Feira de Artesanato do Terreiro do Paço.