Talabrigae Ex-Libris: Albergaria-a-Velha volta à época romana

A vila de Branca, no concelho de Albergaria-a-Velha, volta à época romana a partir de sexta-feira, com a segunda edição do festival Talabrigae Ex-Libris

Fotografia: Alcides Meirinhos
Publicidade

A vila de Branca, no concelho de Albergaria-a-Velha, regressa à época romana a partir de sexta-feira, com a segunda edição do festival Talabrigae Ex-Libris. Durante três dias o público vai poder assistir a patrulhas de soldados romanos, emboscadas celtas ao acampamento, passeios a cavalo e desfiles com ninfas, sacerdotisas e outras figuras características daquele tempo.

O evento inclui diversas recriações históricas, música, teatro e demonstrações de ofícios, com o envolvimento de cerca de 200 pessoas, entre figurantes e colaboradores.

Os visitantes são ainda convidados a descobrir as termas, um templo, uma albergaria, um anfiteatro, uma Aldeia Celta e a “fazenda dos animais”, com voos de aves e a prática de augúrios. Em simultâneo, vão poder adquirir peças de artesanato e produtos locais nas várias tendas instaladas no Parque do Porto Riba, onde decorre o festival.

Talabrigae Ex-Libris é co-organizado pela Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha e pela APPACDM (Associação Portuguesa dos Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental), sendo que as receitas de bilheteira revertem a favor desta última, que está a angariar fundos para construir um novo Centro de Actividades Ocupacionais e para duplicar a capacidade do lar residencial.

O bilhete diário para o festival tem o preço de dois euros, enquanto o passe geral de livre acesso pode ser adquirido por três euros. As crianças até aos 12 anos têm entrada gratuita.

Na sexta-feira, 2 de Junho, o Talabrigae Ex-Libris abre portas às 18:00 horas e no sábado às 12:00, encerrando à meia-noite nos dois dias. No domingo, a abertura é às 10:00, com fecho às 20:00.