Na Casa da Cultura Exposição Fotográfica

Publicidade

“Tudo se parece com o dono, até o ferrolho da porta” é o ditado popular que dá nome à exposição fotográfica, que está patente durante o mês de novembro, na Casa da Cultura da Sertã. De acordo com a autora, Cristina Matos, “o registo fotográfico nasceu da inquietude de dar uma achega à preservação do nosso património e do desejo de que a sua imagem prevaleça na memória colectiva de uma região”.

As fotografias expostas retratam imagens de peças trabalhadas, criativas, singelas ou ornamentadas, criadas a partir do aproveitamento de diversos materiais, onde é possível observar fechaduras, ferragens e ferrolhos. “Algumas estão degradadas, gastas, abandonadas, sem dono para as cuidar… Mas possuem no seu espírito uma multidão de histórias, que merecem ser contadas.”

A exposição poderá ser apreciada, na Casa da Cultura da Sertã, até  30 de novembro, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h30m.