Casa da Cultura da Sertã tem patente a exposição de pintura “Introdução” de Cláudia Silva

Publicidade

Trata-se da primeira exposição da autora, facto que dá origem ao título. Influenciada por estilos à partida opostos, do realismo ao surrealismo, e pelo seu fascínio pela cultura pop, a autora procura, através da arte, contar estórias de complexidade feminina, que se adaptarão à perspectiva de cada observador.

Esta «Introdução» é o fruto do trabalho experimental que desenvolveu nos primeiros anos enquanto artista, constituindo também um produto cru e sincero da sua alma, em busca da sua verdadeira identidade. Nascida em 1997, Cláudia Silva cresceu e reside na Sertã, desde cedo manifestando vocação para actividades criativas. Em finais de 2015, decide frequentar o Ateliê de Pintura AMARTE, na Sertã, onde teve o primeiro contacto com a pintura a óleo, tendo ficado imediatamente fascinada por esta técnica de pintura.

Em exposição estão 16 quadros, na sua maioria pintados a óleo sobre tela, que podem ser apreciados na Casa da Cultura da Sertã, de segunda a sexta-feira das 9h às 17h30m, e aos fins de semana, de acordo com a programação da agenda cultural.