Vamos caminhar pelo Mondego?

Publicidade

Para os amantes das caminhadas ao ar livre, existem inúmeros circuitos pedestres ao longo do território atravessado pelo Mondego.

Os Trilhos Verdes de Manteigas permitem contacto com praticamente todos os pontos de interesse naturais existentes na zona.

Com graus de dificuldade variados e presentes em grande número, na sua totalidade perfazem cerca de 200 quilómetros de paisagens magnificas. Em alguns, é possível a prática de Btt.    

Em Celorico da Beira o Trilho das Ladeiras é o mais conhecido, o percurso tem início junto ao Castelo de Linhares da Beira, perto da Igreja Matriz. Destaca-se pela beleza natural do traçado e pelo seu baixo grau de exigência.

Existem mais trilhos a explorar, no entanto, a sua dificuldade é maior, assim como deve ser tido em conta pelos utilizadores que muitos localizam-se em áreas protegidas, sendo necessário tomar cuidados acrescidos com vista á preservação do espaço.

“Quedas de Água das Paredes”, com cerca de sete quilómetros de extensão, localizado em Mortágua, é um trilho que nos brinda com pequenos lagos e quedas de água ao longo do seu percurso.

O circuito acompanha a Ribeira das Paredes e possui várias zonas onde, se o tempo for convidativo, é possível dar um refrescante mergulho.

Em Penacova, para além dos trilhos pedestres, a prática de Btt e Trail Running também são comuns por estas paragens. As paisagens junto ao Mondego são de cortar a respiração.

A Reserva Natural do Paul de Arzila em Montemor-o-Velho possui um circuito com cerca de três quilómetros.

As características únicas do local, derivadas da abundância de água, criaram as condições ideias para uma flora muito diversificada que, por sua vez, atrai ao local várias espécies de aves tanto permanentes como migratórias. Este circuito destaca-se pela sua utilização ligada ao birdwatching, actividade de observação de aves em habitat natural, que atrai cada vez mais praticantes.

Leia mais em: https://descla.pt/?p=116002