O turismo pode ser para todos

O turismo acessível é uma grande oportunidade de negócio se pensarmos que há 140 milhões de pessoas na Europa com necessidades especiais quando viajam e as previsões apontam para que em 2020 haja, só neste continente, cerca de 862 milhões de viagens anuais na área de turismo acessível.

Publicidade

Os agentes turísticos começam a compreender o potencial deste segmento e adaptam-se cada vez mais às necessidades dos clientes. Um pouco por todo o lado surgem restaurantes com menus em braille ou hotéis com quartos adaptados a pessoas de mobilidade reduzida, só para referir alguns exemplos. Os empreendimentos turísticos Selão da Eira, Refúgio do Monte e Villa Batalha são três dos casos que se destacam nesta área e que apresentamos nesta edição.

A acessibilidade é, de resto, um dos eixos prioritários da estratégia de turismo para os próximos dez anos em Portugal, como nos conta o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo. Entre o trabalho que está a ser feito ou em preparação realçamos o TUR4all, uma plataforma onde os turistas com necessidades especiais vão poder consultar informação sobre condições de acessibilidade em hotéis, monumentos e museus ou a existência de transportes adaptados, e o projecto Brendait, que procura fazer da região Oeste de Portugal um destino turístico acessível a todos.

No entanto, há alguns problemas que urge resolver. A começar pelo decreto-lei nº 163/2006, que estabeleceu um prazo de dez anos para que os edifícios públicos e privados, turísticos e comerciais se adaptassem e que ainda não está devidamente cumprido. A mentalidade e a formação são outras questões que precisam de ser trabalhadas para que os turistas com necessidades especiais sejam tratados da melhor forma e sem qualquer tipo de discriminação.

...by Descla

Novembro em cheio no Algarve

0
Música, desporto, dança, exposições e os sabores do outono aquecem o mês de novembro no Algarve. Mesmo com os dias mais frescos, a região não para e tem ao dispor dos turistas e residentes centenas de eventos que podem já ser consultados no «Guia Algarve».

“Dominguinhos” de Novembro recortados em forma de Outono

0
Os “Dominguinhos” são compostos por diferentes temáticas mensais e surgem da parceria com a Catavento, empresa da incubadora de indústrias criativas da Fundação de Serralves, que se dedica a projetos educativos.

Colóquio de Arqueologia e História de Penamacor apresentado na Universidade de Salamanca

0
O auditório do Centro de Estudos Brasileiros da Universidade de Salamanca recebeu a apresentação do programa do II Colóquio de Arqueologia e História do Concelho de Penamacor – 40 anos depois – Ciências, Territórios e Saberes em Mudança.

Guarda: 4º Salão de Outono com exposições do belga Paul Mathieu e SIAC4

0
O Salão de Outono – Aberto para Obras, que o Município da Guarda promove através do seu Museu, tem a sua 4ª edição marcada para o período entre 31 de outubro de 2019 e 9 de janeiro de 2020. A abertura ao público e sessão inaugural será na quinta-feira, dia 31, às 18h00.

O Natal em Óbidos vai da Terra à Lua

0
Este Natal, quem for a Óbidos, vai navegar rumo à Lua e voltar à Terra. Na Lua vive o imaginário dos sonhos de criança. Na Terra vive o coração. E entre a Lua e a Terra vivemos nós, sonhando com um mundo mais perfeito, mais equilibrado.