O turismo pode ser para todos

O turismo acessível é uma grande oportunidade de negócio se pensarmos que há 140 milhões de pessoas na Europa com necessidades especiais quando viajam e as previsões apontam para que em 2020 haja, só neste continente, cerca de 862 milhões de viagens anuais na área de turismo acessível.

Publicidade

Os agentes turísticos começam a compreender o potencial deste segmento e adaptam-se cada vez mais às necessidades dos clientes. Um pouco por todo o lado surgem restaurantes com menus em braille ou hotéis com quartos adaptados a pessoas de mobilidade reduzida, só para referir alguns exemplos. Os empreendimentos turísticos Selão da Eira, Refúgio do Monte e Villa Batalha são três dos casos que se destacam nesta área e que apresentamos nesta edição.

A acessibilidade é, de resto, um dos eixos prioritários da estratégia de turismo para os próximos dez anos em Portugal, como nos conta o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo. Entre o trabalho que está a ser feito ou em preparação realçamos o TUR4all, uma plataforma onde os turistas com necessidades especiais vão poder consultar informação sobre condições de acessibilidade em hotéis, monumentos e museus ou a existência de transportes adaptados, e o projecto Brendait, que procura fazer da região Oeste de Portugal um destino turístico acessível a todos.

No entanto, há alguns problemas que urge resolver. A começar pelo decreto-lei nº 163/2006, que estabeleceu um prazo de dez anos para que os edifícios públicos e privados, turísticos e comerciais se adaptassem e que ainda não está devidamente cumprido. A mentalidade e a formação são outras questões que precisam de ser trabalhadas para que os turistas com necessidades especiais sejam tratados da melhor forma e sem qualquer tipo de discriminação.

...by Descla

Destinos sobre carris

Viajar de comboio é uma experiência única, grandes aventuras a bordo de uma carruagem preenchem o imaginário de muitos. Sítios aos quais chegamos em poucas horas, cidades que podemos agrupar num pequeno percurso ou tornar num destino único se assim o entendermos.

Património de A a Zêzere

O Zêzere é um dos nossos mais belos rios, o seu caminho encontra-se logo ao início eternizado pelo belo vale glaciar ao qual deu o nome.

“Maranho da Sertã”

No mês em que o Festival de Gastronomia do Maranho conhece a sua nona edição, a Casa da Cultura da Sertã dá a conhecer, através de exposição fotográfica, os segredos que estão por detrás desta iguaria tão popular e tradicional do Concelho da Sertã.

Os pilares da História

Castelos! Sim, essas magníficas construções seculares que preenchem desde há muito o imaginário das crianças e deslumbram também adultos. Por toda a história que o nosso país carrega, as nossas fortificações são de grande importância patrimonial.

Mondego: Um rio, uma estrada, muitas histórias

Nesta edição vamos focar a nossa atenção no Mondego. O maior e um dos mais importantes rios inteiramente portugueses. Vamos levá-lo por uma viagem desde a sua nascente até à foz, onde as suas águas se fundem com o Atlântico.