Queijadas da Graciosa. Fotografia: Azoresphotos.visitazores - Turismo Açores
Publicidade

E se pudesse fazer um grande roteiro gastronómico pelas nove ilhas açorianas e provar queijos, vinhos e licores regionais e a doçaria tradicional de cada uma? Tudo isto e muito mais compõe o programa do Dia Mundial do Turismo nos Açores, que se assinala esta quinta-feira.

Música, dança, passeios de charrete e actuações de rua são outras actividades previstas, que no conjunto visam “proporcionar aos turistas um maior conhecimento da realidade açoriana e das particularidades dos Açores, nomeadamente da cultura, gastronomia, artesanato e produtos regionais”, explica o Governo Regional em nota de imprensa, que revela que esses produtos vão ser também oferecidos aos hóspedes das unidades de alojamento dos empreendimentos turísticos da região.

Em Santa Maria, Pico, São Jorge e Terceira vão decorrer espectáculos de folclore em locais de interesse. Os turistas vão poder conhecer esta última ilha através de dois ’tours’ citadinos em minibus, ao passo que na Graciosa vai haver passeios de charrete na praça central.

As Flores vão receber a banda filarmónica União Operária e Cultural Nossa Senhora dos Remédios, e o Faial o Grupo Etnográfico de Castelo Branco. Em São Miguel, actuações de bandas de rua vão animar o centro das cidades de Ponta Delgada e da Ribeira Grande e, ainda, o Monumento Natural da Caldeira.

Ainda nesta ilha, mas em em Ponta Delgada, o Centro Comercial Parque Atlântico vai ter uma exposição de plantas endémicas dos Açores e estão previstas actividades que incluem a marcação de um trilho e jogos relacionados com cuidados a ter com as plantas que se encontram nos percursos.

“Esta efeméride representa mais uma oportunidade para sensibilizar toda a comunidade para a contribuição do turismo para o desenvolvimento sustentável dos Açores, fomentando, assim, a partilha de experiências entre locais e visitantes”, sublinha a secretaria regional da Energia, Ambiente e Turismo.

“O turismo e a transformação digital” é o tema deste ano do Dia Mundial do Turismo. O objectivo é sensibilizar o público para o contributo que as tecnologias digitais podem ter para o desenvolvimento sustentável, “ao mesmo tempo que se assumem como uma plataforma para investimentos, parcerias e colaboração, num sector cada vez mais responsável e inclusivo”. A efeméride é comemorada desde 1980, depois de ter sido estabelecida um ano antes pela Organização Mundial do Turismo.