Divulgada a convocatória da selecção nacional para o Campeonato Europeu de Salvamento Aquático Desportivo 2019

Publicidade

No dia 12 de Agosto a Federação Portuguesa de Nadadores Salvadores (FEPONS), divulgou a convocatória para o Campeonato Europeu de Salvamento Aquático Desportivo 2019, que se realiza de 17 a 25 de Setembro de 2019, na cidade italiana de Riccione.

Este evento que reúne as selecções nacionais europeias da especialidade, realiza-se a cada 2 anos, organizado pela International Lifesaving Federation – Europe, sendo a 3ª participação nacional consecutiva.

No campeonato de 2017 na Bélgica, a selecção nacional alcançou pela primeira vez 22 pontos na classificação colectiva e bateu 6 recordes nacionais, numa participação com 4 atletas.

Estes campeonatos têm 11 provas em piscina e 10 em mar, separadas nas categorias feminina e masculina, no único desporto mundial “EDUCATIVO QUE SALVA VIDAS”.

Assim, a selecção nacional, que deriva das classificações individuais obtidas nos campeonatos nacionais, será composta por:

Atletas Femininos Associação Atletas Masculinos Associação
Neuza Filipa Figueiredo Reis Seagull-Grândola André do Carmo Santos Seagull-Grândola
Andreia Alexandra da Costa Lopes Seagull-Grândola André Ferreira Franco S. Pardal Seagull-Grândola
Ana Rita Nunes CORAL-Reguengos Pedro Pereira Lopes BÚZIOS-Coruche
Ana José Saraiva CORAL-Reguengos José Carlos Oliveira Burecas BÚZIOS-Coruche
Ana Rita Sousa Cabrita Seagull-Grândola João Francisco Silvestre Chainho Seagull-Grândola
    João Nuno Gamito Lopes Seagull-Grândola

A FEPONS desenvolve o salvamento aquático desportivo em 3 vectores:

  • Preparação física e técnica daqueles que já são nadadores-salvadores, de forma a estarem em melhores condições durante o desempenho das suas funções;
  • Captação de novos nadadores-salvadores, pela alta espetacularidade do desporto salvamento aquático que leva ao interesse dos espectadores;
  • Educação para a prevenção do afogamento, pois todos os nadadores-salvadores juniores (menos de 18 anos) para poderem participar nos campeonatos nacionais juniores têm de participar num programa nadador-salvador júnior ou ser atletas de uma escola de segurança aquática;
  • Criação de pontes de desenvolvimento do salvamento aquático português, através da troca de experiências com outros países.

A seleção nacional tem o apoio de:

  • International Lifesaving Federation – Europe;
  • Federación Latinoamericana de Salvamento y Socorrismo;
  • Instituto de Socorros a Náufragos;
  • Fundação Vodafone Portugal;
  • VJR